domingo, março 07, 2010

sunday delicatassen

Voltei à minha zona de conforto. Passei a tarde a recortar imagens e a ver revistas femininas internacionais. Tive ideias, tive desejos e tive sonhos. Trabalhei e sonhei que trabalhava. Senti-me convicta e forte, senti-me activa e preparada. Senti-me poderosa.
Tentei, ainda que de forma incompleta, voltar a fazer um painél de visualização, como fiz antes de engravidar, movida, na altura, pelo desejo de ter um filho. Hoje, o meu desejo é outro.
Há um velho ditado ou provérbio, oriundo não sei muito bem de onde, que diz que «sonhar e acreditar é meio caminho andado». E eu, como tive uma experiência positiva com o anterior, vou voltar a colocar neste todas aquelas coisas que quero alcançar e atrair para a minha vida.
Aquela viagem, aquela mala, aquele livro, aquele emprego. Pequenos nadas, mas pequenos nadas que são meus e que para mim, de momento, são tudo aquilo que quero. Mesmo que não tenham sentido aos olhos dos outros, mesmo que até a mim mesma me façam duvidar, mas são meus e eu quero-os, a todos.
Manter-me assim, com a cabeça a fervilhar e a dar seguimento aos meus pensamentos e loucuras, é bom. É sinal que ando a encarrilhar outra vez, que estou no bom caminho.
Há umas semanas nada me servia de inspiração e hoje, hoje, até a minha cama desalinhada e a manta que a cobria me serve como pano de beleza.
É incrível como num dia em que se recebe a notícia da morte de alguém próximo, ela nos encha de vida...
Também pintei os lábios de vermelho, mas isso, é outra história.


2 comentários:

Sonhos cor de laranja disse...

Por falar nisso, vou ali mandar o meu CV para a Glamour e já venho!!

m.a. disse...

fazes tu muito bem! eu se estivesse em Madrid também mandava o meu Cv para a Glamour! aliás, acho que dormia à porta da redacção e tudo nem que fosse para estagiar lá! LOL