sexta-feira, outubro 17, 2014

nua

 
Hoje, com as pressas típicas da manhã, despachar a miúda, preparar tudo o que ela precisa de levar para ir passar o fim-de-semana a casa do pai, pequenos-almoços, secar o cabelo, etc., etc., eis que saí de casa sem colocar um único anelinho nos dedos. Nem um para amostra. Mas lembrei-me várias vezes, enquanto me despachava, no ritmo alucinado que caracteriza todas as manhãs, "não me posso esquecer de colocar os anéis, não me posso esquecer de colocar os anéis". Pois bem, esqueci-me. Só quando me sentei no carro, já com as mãos ao volante é que os meus olhos bateram nelas e 'ai c'ó horrore, ai c'ó horrore' que nem um anelinho no dedo mindinho coloquei, nem um singelo apontamento no anelar, nada de nada.
É estranho. Não estou habituada. Sinto-me um pouco nua. Ao menos tenho as unhas pintadas, retocadas no carro é certo, mas pintadas. Valha-nos isso!

1 comentário:

Cláudia - a mama Galinha disse...

Minha querida,
eu fico perplexa e o dia já não é o mesmo...quando olho e vejo que estou sem anel, relogio, fio, perfume entro em pânico e daqui só me safo com perfume, que trago sempre um mini comigo...
Nua dizes muito muito bem...
beijinhos nossos